IgrejaOutros assuntos

Entenda o significado da Missa dos Óleos e Lava-Pés

São os dois primeiros eventos da igreja católica durante a Semana Santa, ambos carregados de simbolismos.

A Quinta-Feira Santa tem os primeiros eventos da Semana Santa e que reúnem uma série de simbolismos que relembram a história de Jesus antes da Páscoa. O primeiro é ainda pela manhã, conhecido como Missa da Crisma ou Missa dos Santos Óleos. À tarde, ocorre a Missa da Ceia do Senhor, na qual ocorre a Cerimônia de Lava-Pés. À noite, é feita a Adoração do Santíssimo, após o traslado para a Capela da Reposição. Tudo é na Catedral Metropolitana de Belém.

Para a abertura da Quinta-Feira Santa, foi feita a Oração das Laudes pelos cônegos do Cabido de Belém. Às 8h, a Missa dos Santos Óleos (ou Missa da Unidade) começou , presidida pelo arcebispo metropolitano de Belém, dom Alberto Taveira e com a participação do bispo auxiliar dom Antônio de Assis Ribeiro.

É nesse momento em que é feita a renovação das Promessas Sacerdotais dos sacerdotes diante do Arcebispo. Também ocorre a benção dos óleos dos catecúmenos, dos enfermos e se consagra o óleo do Santo Crisma, por isso da celebração ser chamada de “Missa dos Santos Óleos”. Esses óleos serão utilizados nas paróquias para os sacramentos do Batismo, Crisma, Ordem e Unção dos Enfermos.

A partir das 18h, há a Missa da Ceia do Senhor, com a cerimônia do lava-pés, em todas as paróquias, de acordo com programação de cada local. Na Catedral Metropolitana, a celebração será às 18h, presidida por dom Alberto. Em seguida, há o traslado do Santíssimo para a capela da Reposição (na própria Catedral) para adoração até a meia-noite.

A Missa da Ceia do Senhor e com a Cerimônia do Lava Pés recordam o gesto de Jesus durante a Última Ceia, quando lavou os pés dos apóstolos. Do ponto de vista da religião, celebra também a Instituição da Eucaristia e do Sacerdócio. Cristo, na noite em que ia ser entregue, ofereceu a Deus o corpo e o sangue, sob as formas de pão e vinho. E então entregou aos discípulos.

Nesta mesma, noite em todas as igrejas do mundo, é retirado de dentro do sacrário a hóstia consagrada, o corpo de Cristo, e é posto em um local digno fora das Igrejas e capelas, e permanece lá até o Sábado Santo (Sábado de Aleluia). O ato de se deixar o sacrário vazio dentro das Igrejas recorda o momento que é retirado Jesus Cristo para ser entregue à morte e depois colocado no santo sepulcro.

source

Postagens relacionadas

São Roberto Belarmino

Lua

Santa Teresinha do Menino Jesus

Lua

Virtudes Teologais

Lua

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Politica de privacidade & Cookies